Deputado Luiz Castro defende rigor na apuração do caso de pedofilia contra ex-desembargador

Deputado Luiz Castro (Rede Sustentabilidade)-AM)
O deputado  Luiz Castro (Rede) defendeu hoje (22), rigor na investigação da denúncia de abuso sexual, supostamente praticado pelo desembargador aposentado Rafael Romano, contra sua neta, desde que a menina tinha sete anos de idade.  Presidente da Frente Parlamentar de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes (Frenpac), Castro vai pedir ao Ministério Público Estadual (MPE) para acompanhar as investigações do caso.
O parlamentar disse que não estava se manifestando como acusador, mas afirmou que não se omitirá em um caso estarrecedor como esse, que requer uma investigação eficiente, com acompanhamento psicológico para evitar a exposição da vítima, hoje com 15 anos de idade, que precisa ser protegida durante todo o processo.
A Frenpac, de acordo com Luiz Castro, já acompanhou inúmeros casos de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes envolvendo várias pessoas. Mas este, segundo o deputado,  é um dos mais complexos e paradoxais, por envolver um magistrado que, antes de ser desembargador, atuou como juiz da Vara da  Infância e da Juventude.
“Por isso não pode haver dois pesos e duas medidas. O Ministério Público tem que investigar com firmeza, e se comprovada a veracidade da denúncia, que a Justiça haja com rigor contra o agressor”, frisou o deputado Luiz Castro.
 
Assessoria de Comunicação Deputado Estadual Luiz Castro (Rede Sustentabilidade) 
Whatsapp Redação: (92)99191- 9814

Warning: A non-numeric value encountered in /home/portaldocareiro/public_html/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009