Projeto “O MP nas Escolas” dá início ao calendário 2018

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), por meio do CEAF (Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional) deu início ao calendário 2018 do projeto “O MP nas Escolas”. A equipe do MP-AM visitou a Escola Municipal Vicente Mendonça Júnior, no bairro Grande Vitória, na zona leste de Manaus.

Participaram das atividades 180 pessoas, dentre elas, 120 alunos do 9º ano do ensino fundamental, 50 pais e 10 professores.

Pela equipe do Ministério Público, a Subprocuradora-Geral de Justiça para Assuntos Administrativos Leda Mara Nascimento Albuquerque e a Promotora de Justiça Wandete de Oliveira Netto, Coordenadora do CEAF, foram as palestrantes. A programação também contou com a participação dos Promotores de Justiça André Epifânio Martins, Elanderson Lima Duarte e Rodrigo Nicoletti, que passam por estágio de adaptação e serão multiplicadores do projeto “O MP nas Escolas”, quando assumirem a titularidade das Promotorias de Justiça no interior do Estado. O principal tema das palestras foram as atribuições do Ministério Público. Além disso, os palestrantes também abordaram o bullying e como solucionar o problema.

Para a Promotora de Justiça Wandete de Oliveira Netto, esse trabalho é motivador para a Instituição. “ É imprescindível e extremamente relevante dar continuidade ao projeto com o novo cronograma para 2018, o objetivo do Ministério Público é se aproximar das comunidades educacionais, impactanto de forma positiva as comunidades atendidas”, afirmou a Coordenadora.

De acordo com a Subprocuradora-Geral de Justiça para Assuntos Administrativos Leda Mara Nascimento Albuquerque, é o sentimento de gratidão que lhe move neste projeto. “O MP nas Escolas é uma atividade sempre muito gratificante, pois ela aproxima o MP-AM da sociedade e com isso, interage e repassa aos nossos reais destinatários, que são os cidadãos, a importância e o papel do Ministério Público, tendo assim uma sociedade mais justa e igualitária’’, destacou.

Andréa Monteiro, pedagoga da escola, falou sobre a importância do projeto para a comunidade: ‘’Acredito ser uma experiência muito válida, pois a nossa comunidade é desprovida de alguns conhecimentos, inclusive os seus direitos e deveres. Então, com essa parceria, junto com o Ministério Público, trazemos conhecimento aos estudantes e pais’’, afirmou.

O MP nas Escolas terá continuidade na tarde desta sexta-feira, 23 de fevereiro, na Escola Municipal Francisco Nunes da Silva, localizada no Puraquequara, zona leste da capital.

O Projeto “O MP nas Escolas”

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM), por meio do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf), reativou em agosto de 2017 o projeto “O MP nas Escolas”.

Em julho do ano passado, o Procurador-Geral de Justiça Carlos Fábio Braga Monteiro assinou o acordo de cooperação técnica com as secretarias de educação do município (Semed) e do Amazonas (Seduc), e o Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Privado do Amazonas (Sinepe-Am). O documento formaliza os objetivos e a execução do Projeto “O MP nas Escolas”, que tem o MP-AM como gestor do programa, sendo responsável pelo planejamento e execução das atividades previstas.

De acordo com o projeto, o objetivo é seguir um cronograma de visita a 2 escolas por semana durante o ano letivo. As equipes do Ministério Público, formadas por Promotores de Justiça e técnicos, irão palestrar para os estudantes. A ideia é dotar os alunos de conhecimentos sobre as vias de acesso para efetivação dos direitos fundamentais do cidadão e estreitar os laços entre o Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) e a sociedade em geral por meio das escolas.

O Procurador-Geral de Justiça Carlos Fábio Braga Monteiro é entusiasta dessa retomada do projeto. “É importante que o MP esteja inserido, com os segmentos da educação, para que os Membros do Ministério Público se dirijam às escolas, compartilhem conhecimentos nas suas áreas de atribuição com temas extremamente relevantes para ajudar na formação intelectual e moral dessas crianças e jovens. Nesse novo formato do programa vamos além, trazendo esses estudantes para dentro do MP, a fim de que eles conheçam com profundidade a nossa realidade e atuação”, destacou o PGJ.


Warning: A non-numeric value encountered in /home/portaldocareiro/public_html/wp-content/themes/Newspaper/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009