Protesto contra Globo, apoiadores de Bolsonaro cravam cruzes em frente à Rede Amazônica

Foto: Reprodução

O ato simula o enterro da maior emissora do país que exibiu reportagem no Jornal Nacional com menção nominal ao presidente Jair Bolsonaro no caso Marielle.

Um grupo de manifestantes da Frente Conservadora do Amazonas fez um ato de protesto contra a Rede Globo na manhã deste sábado (2), em frente a filiada da emissora no Estado, a Rede Amazônica, localizada na avenida André Araújo, Aleixo, Zona Centro-Sul da capital.

Foto: Reprodução

Os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ficaram revoltados com a emissora na noite da última quarta-feira (30) após a exibição de uma reportagem no Jornal Nacional que faz menção nominal a ele no caso do assassinato de Marielle Franco. Após isso Bolsonaro fez discursos no Facebook em que destaca perseguição por parte do canal contra ele.

Os manifestantes ficaram, como forma de protesto, no gramado em frente a Rede Amazônica cruzes com frases de ataque a maior emissora do país como: “alienação”, “tendenciosa”, “Aqui jaz Rede Globo”, “acabou a mamata” e “Globo lixo”. O ato ocorrido no dia de Finados simula o enterro do canal que pode não ter concessão renovada em 2022 após atacar o presidente da República.

Os militantes também pediram boicote da emissora em um pequeno carro de som usado na manifestação. As cruzes já foram retiradas do local possivelmente por funcionários da Rede Amazônica.

Com informações do http://ampost.com.br/


Whatsapp Redação: (92)99191- 9814