Transmissão de tuberculose através do consumo de banana frita é desmentida

A Fundação de Medicina Tropical Dr Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), unidade vinculada à Secretaria Estadual de Saúde (Susam), informou, que vem circulando nos últimos dias, nas redes sociais, uma nota contendo informação falsa, falsamente atribuída à instituição.

A nota, com o título ‘Alerta do Hospital Tropical’, destaca, erroneamente, para o risco de transmissão de tuberculose, pela ingestão de bananinhas vendidas em saquinhos, produzidas em Manaus. A FMT destaca que a nota contém informações totalmente equivocadas e faz um alerta para que as pessoas não compartilhem o conteúdo.

A FMT esclarece que a tuberculose não é transmitida através do consumo de qualquer alimento e que é uma doença causada por microbactérias – e não por vírus, como diz a nota. A transmissão ocorre de pessoa para pessoa, através de gotículas da tosse, fala ou espirro, eliminadas por indivíduos com tuberculose – pulmonar ou da laringe – ativa (sem tratamento).

Na última segunda-feira (1º) , para a Rádio Nacional do Alto Solimões, acadêmicos de Medicina da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) informaram que houve alta da incidência da doença no Estado: Tabatinga, segundo eles, registrou 54 casos, em 2016.

Siga o Portal do Careiro nas redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/portaldocareiro/
Twitter: @PortaldoCareiro