Fórum de Investimentos Brasil atrai empresários de 42 países

Investidores de mais de 42 países e de 22 setores da economia serão recebidos no Fórum de Investimentos Brasil (FIB) 2017, organizado pelo governo federal e pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O evento será realizado em São Paulo nos dias 30 e 31 de maio e já conta com mais de 1.400 executivos inscritos até a primeira quinzena deste mês.

Estão confirmados representantes de companhias sediadas na China, nos Estados Unidos, no Japão, no Reino Unido, na Alemanha e outros países, incluindo mais de 200 CEOs de multinacionais como Fiat, Bayer e Siemens. A abertura do evento será realizada pelo presidente Michel Temer.

“Oferece-se no nosso País uma oportunidade extraordinária para investimentos, nacionais e estrangeiros”, afirmou Michel Temer. Para ele, o FIB será um ponto de debate único para investidores nacionais e estrangeiros conhecerem os potenciais negócios no Brasil, que incluem concessões e privatizações. Além disso, serão apresentadas as reformas econômicas realizadas e em andamento, visando estimular o investimento e o crescimento.

Os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles; do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira; e das Relações Exteriores, Aloysio Nunes, estarão juntos no primeiro dia do Fórum. Logo depois da abertura, participam sessão especial que vai debater o ambiente internacional e econômico e as reformas no País.

“O Brasil está passando por um momento especial de transformações na área econômica. São várias ações do governo e da sociedade que geram uma nova situação de estabilidade na economia, tanto na área fiscal quanto na área monetária”, diz o ministro do Planejamento.

O Fórum promoverá reuniões entre autoridades governamentais do Brasil e executivos de empresas privadas. Nos encontros, serão detalhados o marco regulatório de cada setor e também o quadro de segurança jurídica para os investimentos.

O País está colocando em prática o maior conjunto de reformas dos últimos anos, o que está permitindo que a economia retome o caminho do crescimento. Sinais do sucesso das mudanças são, entre outros, a queda da inflação, a expectativa de retomada do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) ainda em 2017 – depois de dois anos de recessão –, a queda do juro básico da economia, a taxa Selic, e a retração do risco País.

Fonte: Do Portal Brasil, com informações do Brasil Investment Forum

Siga o Portal do Careiro nas redes sociais:
Facebook: www.facebook.com/portaldocareiro/
Twitter: @PortaldoCareiro
Redação: (92)99191-9814